Chega de injustiças!

Esta é a hora de nos questionarmos seriamente se é neste mundo que queremos viver? Se é neste mundo que futuramente queremos ver os nossos irmãos ou filhos crescer? Nada é perfeito e todos temos a noção disso ao crescer, mas é impensável assistir parada às inúmeras injustiças que sempre houveram no nosso planeta e que ultimamente têm-se tornado ainda mais impactantes.

Não estamos a falar de algo limitado apenas a um país! Todos os dias inúmeras pessoas com outra cor de pele, etnia, religião e cultura estão a ser alvo de massacres por todo o mundo e está na hora de lutarmos todos juntos independentemente de quem somos. Está na hora de usarmos os nossos privilégios para lutar e defender quem é brutalmente violentado por não os possuir.

Cada dia implica mais uma vítima nos EUA. E não, não é só aqui que pessoas negras sofrem injustiças! No Brasil, no último ano foram mortas pessoas inocentes, crianças, o que nunca deveria acontecer. Uma criança ou qualquer pessoa não deveria ter receio de ir à rua, de passar pela janela da sua própria casa porque alguma bala perdida a poderá atingir!

Está na hora de nos unirmos por todos os movimentos e por todas as pessoas que querem e necessitam de ser ouvidas. Pelo movimento black lives matter, pela Palestina, pelos muçulmanos em sofrimento em campos de concentração na China o que é imperdoável após todos termos a noção do quão tenebroso foi o holocausto, pelos trabalhadores migrantes a ser afetados pelo COVID-19 na Índia sem qualquer ajuda, pelo povo Filipino ao qual o governo quer tirar a sua liberdade de expressão e considerar crime, pelo povo de Hong Kong o qual irá sofrer ainda mais com a aprovação das leis que a China lhes quer impôr e que lhes limitará a sua liberdade.

Está na hora de olharmos para o mundo e lutarmos contra o sofrimento que está a ser causado. Não importa se fazes parte dos grupos em sofrimento ou não, porque todos temos o poder de ajudar, o poder de os ouvir e educar-nos com o que eles têm para nos ensinar. Ninguém está acima de ninguém e é isso pelo qual queremos lutar, enquanto isso não for compreendido e as pessoas no poder continuarem a achar que uns são mais que os outros vamos aproveitar-nos disso para os impedir de magoar quem eles querem, vamos usar os nossos privilégios para lutar ao lado de quem precisa ser ouvido.

A mudança é importante e todos podemos fazer algo para ajudar seja participando nas manifestações, doando, assinando petições ou educando-nos. Vamos lutar por um mundo melhor, por um mundo com igualdade para todos e onde ninguém independentemente da sua cor, etnia, nacionalidade, religião ou cultura tenha que ter medo de se expressar, tenha que ter medo de viver porque pode morrer a qualquer segundo.

Formas de ajudar:

Publicado por Tânia

Licenciada em Sociologia e estudante de mestrado em Jornalismo. Apaixonada por tudo o que implique o mundo e livros.

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão /  Alterar )

Google photo

Está a comentar usando a sua conta Google Terminar Sessão /  Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão /  Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão /  Alterar )

Connecting to %s

%d bloggers like this: