Plan with me: maio

A vida não para! Há momentos em que não sabemos lidar com o que sentimos e é totalmente compreensível ainda por mais quando algo que ninguém tem certezas de nada está a acontecer, mas temos de pensar que para nos mantermos minimamente sãos temos de arranjar formas de diminuir a nossa ansiedade e stress. E uma simples solução para isso passa por nos mantermos organizados, isto permite-nos libertar um pouco a nossa mente e permite que mesmo com tudo o que sentimos não nos perdamos com as nossas responsabilidades.

Foi com isso que eu pensei para mim mesma “porque não falar sobre a forma como eu planejo o meu mês?”, assim aqui venho compartilhar com vocês as páginas do meu bullet journal que me irão acompanhar durante o mês de maio.

Para Maio eu decidi que queria utilizar a cor roxa como cor de destaque e, depois de muito pensar decidi que seria ideal usar como tema lavanda. Para que conste, eu arranjar temas para o meu planeamento é uma forma de ter algo que me relaxe, enquanto trato do mesmo pois eu sou um zero à esquerda em artes, mas enquanto for algo que me entretenha eu cá me divirto.

Para as páginas do calendário eu decidi fazer um calendário mensal normal, mas que me permita ter espaço para apontar eventos que não posso mesmo esquecer-me, tal como no canto esquerdo deixei um pequeno espaço para os meus gastos. Depende sempre das necessidades de cada um o espaço que necessitam, mas como continuarei em casa os gastos são mínimos logo não necessitarei de muito espaço para me manter a par com os mesmos.

Em seguida, criei duas páginas dedicadas aos meus hábitos e aos objetivos que implementei para o trimestre permitindo-me assim ter um local mais vísivel do que o blog para manter-me a par e registar os progressos que estão a ser feitos.

Desde que 2020 começou eu inseri no meu bullet journal duas páginas totalmente dedicadas a brainstorming. Como é possível ver para além do título está praticamente vazia, apenas com algumas ideias para o blog. Este é um espaço onde posso colocar ideias para o blog, com um calendário para o mesmo, datas de reuniões e informações das mesmas, tal como tarefas que necessitam ser realizadas, mas que eu ainda não tenho data.

Por último, temos o meu setup para os primeiros dias do mês e uma página do que é/seria a minha rotina matinal ideal. Não, a página da minha rotina não é propriamente algo que me vá ser útil muitas vezes, foi mais uma maneira de desanuviar e pensar um pouco sobre como quero gerir as minhas coisas. Para além disso, se há algo inconsciente no meu bullet journal são as minhas páginas semanais, pois ando sempre a experimentar opções novas para ver o que melhor me ajuda.

Não é necessário planear nada neste formato, cada um tem uma opção que prefere e o importante é fazer uso dela. Quando era mais nova sempre usei planners e serviam-me muito bem, mas no 11ºano decidi experimentar este sistema e descobri que mesmo não sendo artista é a forma que mais me dá gosto usar. Se tu quiseres e te for mais prático só precisas de uma folha de papel e uma caneta ou até mesmo o teu telemóvel, o importante é manteres-te a par do que necessitas de cumprir.

Publicado por Tânia

Licenciada em Sociologia e estudante de mestrado em Jornalismo. Apaixonada por tudo o que implique o mundo e livros.

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão /  Alterar )

Google photo

Está a comentar usando a sua conta Google Terminar Sessão /  Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão /  Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão /  Alterar )

Connecting to %s

%d bloggers like this: