Universidade: algo sem percalços?

Com a faculdade ou sem, as mudanças são constantes nas nossas vidas e isso é perfeitamente normal. A realidade é que maioria das pessoas não se dá bem com mudanças, trata-se de algo assustador e que nos tira da nossa zona de conforto, mas podem ser também das melhores sensações de todas.

Neste momento muitos jovens encontram-se em preparação para ingressar nas universidades ou a continuar as suas jornadas na mesmas e sendo sincera? Novatos não têm nada a temer.

Não tenho uma longa história de vida ou uma sabedoria imensa relativamente às pessoas mais novas, mas passei por esta etapa há muito pouco tempo e acho que vale a pena partilhar a minha experiência.

A época das candidaturas e a espera pelos resultados é agoniante. Nunca me senti tão ansiosa em toda a minha vida e juro-vos que só piorou quando não entrei na minha primeira opção. Optei por concorrer à segunda fase ao mesmo tempo que fiz a matrícula no meu curso atual. A razão? Talvez o destino tivesse outros planos para mim, e a verdade é essa.

A chegada à universidade foi aterradora, ao ponto de eu ter pensado para mim mesma do outro lado da rua “Vou voltar para casa e que se lixe a matrícula. Isto não é mesmo a minha primeira opção”. Quem me conhece sabe o quanto eu me sinto sufocada e constrangida em situações fora da minha zona de conforto, principalmente no que toca a falar com pessoas. Digamos que nesse mesmo dia passei quase 3 horas consecutivas a ter que comunicar com diversas pessoas de forma a saber me localizar e a realizar a minha inscrição, tal como conhecer o local.

A realidade é que não é só os primeiros dias que parecem assustadores. Todo o primeiro ano o parece, pois não estamos à espera de nada e muitas vezes não entendemos nada do que se passa ao nosso redor.

No primeiro dia de faculdade perdi-me, se contar as vezes, provavelmente, os meus dedos das mãos não chegam e sinceramente só me senti frustrada com as situações. Não sabia a localização da sala, tive que perguntar, perdi-me duas vezes nos corredores e quando lá cheguei descobri que tinha visto mal a sala, conclusão? Tive que voltar a pôr as mãos à obra e procurar a sala de aula correta.

As aulas não me pareceram nada de extraordinário ou assustador, mas a realidade é que a primeira nota que recebi foi um 4. Lembro-me de olhar para a folha e pensar ” Como assim um 4? Eu nunca tive isto na vida”. No final, foi das cadeiras que mais apreciei, que me fez sentir que sabia as coisas durante o trajeto e me fez aprender inúmeras coisas que eu nunca imaginei.

Já referi que sou péssima com pessoas? Digamos que isso sempre foi algo meu e ao contrário de antigos colegas que tiveram a sorte de ir acompanhados para a faculdade, eu fui completamente sozinha. Lembro-me que no primeiro dia corri atrás da primeira pessoa que me pareceu simpática só para pedir indicações e ela nem era da minha faculdade! Por sorte, poucos minutos depois conheci 3 colegas de curso e senti-me mais segura, mesmo que momentos iniciais de conversa sejam das coisas que mais me deixam constrangida. Sempre me disseram que tinha cara de mal-disposta, de poucos amigos, mas a realidade é que cheguei mesmo a conhecer pessoas que se aproximaram de mim inicialmente por se identificarem com o meu feitio e com alguns comentários meus.

A faculdade não é um bicho de sete cabeças. Existem oportunidades para fazer amigos, existem chances de melhorar notas se for necessário e acima de tudo existem razões para ser um ótimo lugar. A única coisa que é necessária é esforço individual.

Publicado por Tânia

Licenciada em Sociologia e estudante de mestrado em Jornalismo. Apaixonada por tudo o que implique o mundo e livros.

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão /  Alterar )

Google photo

Está a comentar usando a sua conta Google Terminar Sessão /  Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão /  Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão /  Alterar )

Connecting to %s

%d bloggers like this: